Um vive aqui e quer viver tudo, o outro resiste: o duelo mente e coração por Ram Dass

O coração entrega tudo para o momento. A mente julga e resiste.
– RAM DASS

Tem um post do Dharmalog de 2011 (uma década!) em que o Ram Dass fala numa palestra que “a mente tem medo que o coração entregue tudo“. Então tem essa situação também, onde não só a mente julga e resiste, mas ela julga e resiste ao movimento do próprio coração. É por isso que quando a gente quer ajudar alguém por impulso, por exemplo, a mente faz alertas, “mas se você for ajudar todo mundo, não vai dar certo”. E coisas assim. Ela usa vários argumentos, todos baseados numa pretensa “ponderação lógica”, mas quase sempre eles terminam num mesmo aconselhamento de não dar, de não entregar.

Isso vale para impulsos de amor, generosidade, doação, enfim, qualquer gesto de encontro com o outro que implica em “dar” alguma coisa. A mente logo se retrai, porque seu movimento constante é “obter”. Ou, no mínimo, “não perder”. Dar, para ela, pode soar irresponsável, perigoso, ingênuo.

Mas o coração tem uma presença natural irreprimível. Se a mente parar de julgar e parar de resistir por alguns instantes, essa entrega natural do coração ao momento aparece espontaneamente. Faça o teste.

More from Nando Pereira (Dharmalog.com)
Os 6 estados psicológicos da alma segundo o Budismo Tibetano, por Mirna Grzich (VIDEO)
“Os seis reinos da existência não são apenas universos paralelos, mas estados...
Read More
Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *