As duas coisas que todos deveríamos contemplar pelo menos uma vez na vida, segundo Alan Watts [ÁUDIO]

alanwatts1970Numa das palestras contidas no livro “The Book On the Taboo Against Knowing Who You Are” (O Livro Sobre o Tabu Contra Saber Quem Você É), de 1966, o filósofo zen-budista inglês Alan Watts (1915-1973) fala sobre as duas principais coisas que deveríamos contemplar pelo menos uma vez na vida e que, segundo ele, “podem trazer coisas maravilhosas”. Com o áudio original contendo a voz de Alan Watts no vídeo embedado abaixo, este ensaio sobre “A Natureza do Egoísmo” traz reflexões importantes sobre a morte, o amor e obviamente o próprio egoísmo, e inclui uma consideração de Watts sobre o conceito da “sombra”, do psicólogo Carl Gustav Jung (1875-1961).

Segue o texto legendado sob a voz original de Alan Watts. Para ativar a legenda, clique em “Select Language” logo abaixo do vídeo (caso o vídeo não aparece, recarregue esta página ou use este link alternativo).