A idade da escuridão segundo Buckminster Fuller: prisão sem barras de ferro, correntes ou cadeados

“A idade da escuridão ainda reina sobre a humanidade, e a profundidade e persistência de sua dominação só agora estão se tornando claras. A prisão da idade da escuridão não tem barras de ferro, correntes ou cadeados. Ao invés disso, está travada pela desorientação e construída pela desinformação. Capturados na pletora de reflexos condicionados e dominados pelo ego humano, ambos o guarda e o prisioneiro tentam deficientemente competir com Deus. Todos estão intratavelmente céticos do que não entendem.

Estamos poderosamente presos nessa Idade da Escuridão simplesmente pelos termos que fomos condicionados a pensar“.

~ Buckminster Fuller, “Cosmology” (1992)

[ Imagem: personagem Agent Smith, do filme Matrix (1999) ]
More from Nando Pereira (Dharmalog.com)
Não fosse pelo otimista…
“Não fosse pelo otimista, o pessimista jamais saberia até que ponto não...
Read More
Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *