O Eu Profundo, de F. Pessoa

“Tenho pensamentos que, se pudesse revelá-los e fazê-los viver,
acrescentariam nova luminosidade às estrelas, nova beleza ao
mundo e maior amor ao coração dos homens.”
O Eu Profundo“, de Fernando Pessoa.
(valeu Meg)

More from Nando Pereira (Dharmalog.com)
Bill Murray’s speech (GG’04)
“I’d like to thank Universal and Focus Features but there are so...
Read More
0 replies on “O Eu Profundo, de F. Pessoa”