A REALIDADE DA GUERRA Por S.S. o XIV Dalai Lama “É óbvio, a guerra e os grandes

A REALIDADE DA GUERRA
Por S.S. o XIV Dalai Lama

“É óbvio, a guerra e os grandes estabelecimentos militares são as maiores fontes de violência no mundo. Qualquer que seja o propósito defensivo ou ofensivo, estas organizações vastamente poderosas existem somente para matar seres humanos. Precisamos pensar cuidadosamente sobre a realidade da guerra. A maioria de nós foi condicionada a considerar o combate militar como algo excitante e glamoroso – uma oportunidade para os homens provarem sua competência e coragem. Uma vez que os exércitos são legalizados, sentimos que a guerra é aceitável; em geral, ninguém sente que a guerra é criminosa ou que aceitá-la é uma atitude criminosa. Na verdade, sofremos uma lavagem cerebral. A guerra não é atraente nem glamorosa. Ela é monstruosa. Sua natureza é de tragédia e sofrimento”.
– DALAI LAMA (em “A Realidade da Guerra”).

Mais um trecho dele, no mesmo discurso, que fala das nossas crianças: “Francamente, quando eu era criança, também me sentia atraído pelo militarismo. O uniforme deles era tão inteligente e bonito. Mas é exatamente assim que a sedução começa. As crianças começam a brincar de jogos que um dia lhe causarão problemas. Há vários jogos legais para jogar e roupas pra vestir além daquelas usadas para matar seres humanos. De novo, se nós adultos não fôssemos tão fascinados pela guerra, veríamos claramente que permitir nossos filhos a se tornarem acostumados com os jogos de guerra é extremamente lamentável. Alguns veteranos de guerra me contaram que quando eles atiraram na primeira pessoa se sentiram mal, mas conforme continuaram a matar, se sentiram normais. Com o tempo, podemos nos acostumar com qualquer coisa”.

É muito importante a gente ter isso em consciência.

E mais importante ainda, talvez, seja ver o quanto nós mesmos carregamos as sementes da guerra: a raiva, o ódio, a intolerância e a agressão em relação ao outro. O quanto agredimos publicamente, o quanto não conversamos, o quanto nos consideramos corretos e o quanto não ouvimos. Essas são as sementes da guerra. Sem essas sementes, nenhuma guerra floresce.

* * * * *

Para ler o texto completo, vá em dalailama.com, Messages, The Reality of War.

* * * * *

Publicado também no Instagram do @_dharmalog. Siga aqui

More from Nando Pereira (Dharmalog.com)
Google: “Complete Privacy Does Not Exist”
A frase não está longe de ser polêmica, mas de um ponto...
Read More
Leave a comment

Your email address will not be published.